No passado mês de junho, foi lançado o livro “Work in the Digital Age. Challenges of the Fourth Industrial Revolution“, uma obra da autoria do think tank alemão, Das Progressive Zentrum, do Policy Network e da Foundations for European Progressive Studies. 

O livro reune análises de mais de 50 profissionais de políticas públicas do mundo que discutem sobre os efeitos da automatização, da produtividade estagnada, do crescimento das disparidades regionais e dos crescentes níveis de desigualdade entre e dentro de países.

“No desenrolar da revolução digital, foram proporcionadas oportunidades de crescimento na produtividade o que resultou no melhoramento considerável da vida das pessoas. Mas este crescimento provocou mudanças sociais e políticas significativas como também um aumento no risco de desigualdades”.

Este livro permite clarificar estas mudanças e abordar os desafios de modo a criar um debate construtivo e informado. Sendo que, a responsável pela análise portuguesa, foi a investigadora do Institute of Public Policy, Joana Andrade Vicente.

Disponibilizamos aqui, o link para o pdf do livro que é gratuito, mas também é possível adquiri-lo nas livrarias.

Saiba mais sobre esta obra na página do Das Progressive Zentrum e na perca o artigo do Público sobre o mesmo.

Share →