O resultado favorável ao Brexit no referendo feito no Reino Unido no passado dia 23 de junho de 2016 surpreendeu a Europa e abalou profundamente o europeísmo. As reações públicas que se seguiram por parte dos vários líderes políticos puseram em evidência que a saída do Reino Unido da União Europeia não só fere significativamente o projeto de integração europeia, mas também põe em causa a própria unidade do Reino Unido, devido aos vincados contrastes geográficos da votação.

Os contornos de todo o processo de saída, que poderá arrastar-se durante alguns anos, são neste momento tudo menos claros. Este é um assunto político que necessariamente estará em constante desenvolvimento durante as próximas semanas.

Dada a importância central deste tema para a União Europeia e para Portugal nas dimensões política e económica, reunimos aqui a opinião de dois membros da direção do Institute of Public Policy sobre o tema. As opiniões apresentadas vinculam somente os autores.

Francesco Franco Pedro Pita Barros
Francesco Franco Pedro Pita Barros
Share →